20/06/2017

Serra do Cachimbo: saiba mais sobre fauna e flora

A Serra do Cachimbo é um dos lugares que irá receber o Projeto Rondon em julho deste ano. Integram as operações do Projeto Rondon pessoas de instituições pertencentes às diversas regiões do Brasil. Por conta dessa diversidade, a probabilidade dos rondonistas conhecerem sobre a flora e fauna próprias da Serra do Cachimbo é pequena. Pensando nisso, pesquisamos um pouco sobre o que os rondonistas irão encontrar nas florestas da região. 
Localizada entre os estados do Mato Grosso e do Pará, a Serra do Cachimbo é formada por uma cadeia de montanhas. O nome deve-se ao formato das montanhas e da Chapada, cujo formato lembra um cachimbo. Devido a presença da Força Aérea Brasileira - que utiliza o local para treinamentos - as florestas ficam protegidas, tornando assim o lugar quase intocado pelos humanos. 


A  Secretária-Executiva do Ministério do Meio Ambiente (MMA) explica que o bioma encontrado na Serra é amazônico, mesmo que ela fique entre a transição da floresta Amazônica e do Cerrado. O que se sabe é que o local abriga diversas espécies em extinção, tanto de plantas, como de animais. De acordo com o portal da Confederação Nacional dos Municípios, a encyclica caximboensis é uma orquídea que existe apenas na Serra do Cachimbo. Poderemos encontrar também a Jacutinga de papo vermelho, uma ave em extinção comum na região, além do macaco aranha nomeado de coatá-da-testa-branca, também típico do lugar.
No ano de 2005 foi criada a Reserva Biológica Nascentes da Serra do Cachimbo (RBNSC). Isso porque o local possui um grande reservatório de água doce potável, além de que a reserva protege a sua fauna e flora local. De acordo com o site Unidades de Conservação do Brasil, a RBNSC abrange uma área de 342.478 hectares nas regiões dos municípios de Altamira e Novo Progresso, no estado do Pará. 
São 11 bacias hidrográficas que estão sob proteção da RBNSC:  “Água Fria, Flecha, Curuaés, Curuá, Ipiranga, Iriri, Xixé, Anta (Cristalino), Braço Sul, São Bento e Nilana. Os rios Cristalino e São Bento desaguam no rio Tapajós e os rios Água Fria, Flecha, Nilana, Ipiranga, Xixé, Curuaés, Curuá e Iriri são formadores do rio Xingu”.  
Rica em diversidades naturais, a Serra do Cachimbo vai hospedar as operações do Projeto Rondon entre os dias 16 a 29 de julho em oito municípios dos estados do Pará e Mato Grosso. 

BIOMA
De acordo com o IBGE, bioma é: “um conjunto de vida vegetal e animal, constituído pelo agrupamento de tipos de vegetação contíguos e que podem ser identificados a nível regional, com condições de geologia e clima semelhantes e que, historicamente, sofreram os mesmos processos de formação da paisagem, resultando em uma diversidade de flora e fauna própria.” 







Fontes: 

Portal Mato Grosso 
Portal G1 
Portal Confederação Nacional de Municípios
Portal Brasil Escola
Portal Unidades de Conservação no Brasil

Fonte: COM SOC UNOCHAPECÓ

Compartilhe Imprimir

RONDON

Ministério da Defesa - Esplanada dos Ministérios
Bloco Q - Cep: 70.049-900 - Brasília/DF

Fale Conosco

MINISTÉRIO DA DEFESA